3.8.12

Fim, o tão e esperado Fim!

Chegamos a imaginar mesmo que não existe um ponto final, realmente já chegamos a acreditar que tem coisas na vida que vem, ficam e nunca vão. Hipocrisia nossa. Se temos a nosso favor o melhor remédio e o melhor médico, quem seria esse problema a resistir o tempo e a ajuda de Deus? Tudo depende da nossa vontade, Quando queremos, quando lutamos contra o que achamos e desejamos e passamos a ser a favor do que necessitamos, ai sim acharemos a porta, a saída, a tão falada ‘Luz do fim do túnel’. E aqui está ela, esperando a sua atitude de transpassar a porta, ela espera, ela aguarda, não exigi nada, só espera. Por que nada que acontece contigo é mero acontecimento, tudo é consequências dos teus atos. Já passei por dias onde os meus conflitos internos eram algo do tipo: “Eu superarei ao fim?” e vivia dividida entre SIMs e NÃOs, hoje as cartas mudaram, não existem mas perguntas relacionadas a um fim e sim a um novo começo. Se a vida ainda é conceituada entre passado, presente e futuro, seria cabível esquecer a famosa linha do tempo, pois não seria essa ideologia que estaria te fazendo acreditar que pra você já há algo planejado, algo que você apenas precisa esperar? e talvez não tenha chegado a hora de começar a ver o tempo representado por um mero ponto (.) porque o que vem antes dele são lembranças de algo que você já presenciou, e após ele as expectativas do que você deseja viver, e o presente é esse momento, apenas um ponto, apenas um instante, nada tão duradouro, algo que não espera-te, porque desde que começastes a ler esse post já se passaram alguns minutos, e já virou passado. Porque se parar pra pensar o futuro vem a cada segundo, se você o planeja, um hora terá que realizá-lo.


Nenhum comentário:

Talvez Poeta © Theme By SemGuarda-Chuvas.