31.1.12

Seguir a vida, sem medo!


Tenho medo de não conseguir seguir adiante, todas as vezes que alguém parar no 
meio, bem no meio do meu caminho. Parar para me deixar seguir sozinha. Medo de 
que em todas às vezes no meu caminho, apareçam pessoas cujo tempo não permita 
ficarem, cuja vida, o destino não os permitam tanto tempo ao meu lado e que ao 
seguirem juntas comigo, pelo pouco que seja, em coração com motivos bons, 
realidades, sentidos, me deixem mais uma vez, nessa inconstância que em meio 
á diversas situações, hoje eu vivo. Então, pode ser que o medo volte, volte para 
me assustar, pelo motivo de que eu novamente deva aceitar a infinita sensação 
do que é perder; perder a graça de um caminho que me faz seguir contente, todas as 
vezes que possuo motivos felizes para ir em frente, como o de que se acaba o mundo 
da graça, da cor e do tudo, ao se tornar insensatamente cinza, sem pudor, sem vida, 
apenas com uma trilha, e com a tal certeza de ter que continuar por lá, e que 
contraditoriamente eu deva ir. Mesmo que a única certeza que hoje me envolve 
é a do meu presente, se com alguém, ou só, estou por aqui contida na envolta de 
quem não sabe se irá ou se ficará. Encontro-me sem rumo no mesmo instante em 
que sinto que devo seguir, pois, nem sempre só estamos, ou nem sempre só 
ficamos. Vou com fé e no pensamento de que são nesses de ficar coordenando 
de mais os meus passos, sondando de mais, eu os embaraço. 
Não fosse o ontem, somente o amanhã para saber o quanto o hoje está melhor, sempre.

7 comentários:

Pâmela Padre disse...

Oi estou seguindo teu blog, achei bem legal e gostaria de saber se vc pode seguir o meu tbm
http://tricotandocolorido.blogspot.com/

^.^

Sheila Lima disse...

Já estou seguindo de volta, claro!!!
Muito obrigada por sua participação no DSM!!! Que Deus lhe abençoe!!!

Mil Sweetkisses ♥.♥
www.docesonhodemenina.com.br

Curiosa disse...

Oi, tudo bom??

Vi o comentário que deixou lá no blog e resolvi dar uma passadinha aqui.

Adorei e já estou seguindo como pediu!

Beijos,
http://curiosanews.blogspot.com

Mellody-chan disse...

Que lindo o texto,gostei [...]Medo de
que em todas às vezes no meu caminho, apareçam pessoas cujo tempo não permita
ficarem, cuja vida, o destino não os permitam tanto tempo ao meu lado e que ao
seguirem juntas comigo[...]lindo :3 seguindo

LariMooreira ; disse...

depois que sofremos muito que vamos descobrir o quão bom é estar bem de verdade.
Me sinto assim tambem. Tantos vem, tantos vem.. se for pra me deixar que nem venha ! mas é a vida né? infelizmente

Isabela disse...

Já fiz a postagem sobre seu blog

Bezos



crazy-girl-life.blogspot.com

Carol Bortolo disse...

bjão a todos :)

Talvez Poeta © Theme By SemGuarda-Chuvas.