23.1.12

Pensamentos de Alice

Todos os dias, o rosto dele visita meus pensamentos. Eu sei que o conheço de algum 
lugar, sua voz me tranquiliza nos momentos de loucura. Será verdade ou uma fútil 
ilusão ? Isso eu não sei, só sei que essa viajem é verdadeira mente alucinante, mesmo 
que seja a uma época que quero apagar de minha lembrança, mas sempre, sempre 
me levam ao encontro dele. Nunca estou sozinha, o vento me faz companhia. Mas 
aqui parece não haver ninguém, mas não importa, se sou a sua amada, vou poder 
segurar a sua mão, tomar um atalho e iremos aproveitar colhendo maçãs no final 
de setembro como sempre sonhamos, e nesse bosque eu beijarei você. Eu sei que 
você leu o meu diário mais de uma vez, e limpou as minhas lágrimas diversas vezes, 
mas mesmo assim ainda preciso de uma caminho, você pode me ajudar ? Longe de 
você, é uma imitação, uma falsidade, uma carcaça vazia por trás do artista, há um 
traço de inocência, mas eu queria ouvir a sua voz de novo, mas ainda sim você não 
me responde, Shot.


Nenhum comentário:

Talvez Poeta © Theme By SemGuarda-Chuvas.